Cidade terá verba de R$ 21 milhões do PAC

O prefeito Gustavo Stupp (PDT) assinou na manhã de ontem, 09, um convênio com o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal, no valor de R$ 21 milhões que serão destinados às obras do SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgotos de Mogi Mirim). A contrapartida do município de 10%, o que corresponde a R$ 2.353.766,49.

O recurso será investido na reforma da Estação de Tratamento de Água (ETA), construída na década de 70, com mais de 40 anos de existência. A obra irá dobrar a capacidade de produção, garantindo água tratada o suficiente para os próximos 30 anos, de acordo com a Administração Municipal. A Prefeitura alega que atualmente o sistema já trabalha de forma forçada, acima da capacidade.

Prefeito assinou convênio na manhã de ontem (Foto: Divulgação)

Com a verba também será construído um novo reservatório dentro da ETA, com capacidade para três milhões de litros, aumentando em 50% o volume atual. Ainda com os R$ 21 milhões, a Prefeitura espera construir uma adutora de água bruta entre a captação na barragem da região das chácaras da Cachoeira e a ETA, com diâmetro maior e material mais resistente.

Por Flávio Magalhães

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top