Falida, Prefeitura cancela desfiles para pagar salários

Quebrada em razão de uma grave crise financeira, a Prefeitura de Mogi Mirim cancelou os desfiles cívicos da Independência, em 07 de setembro, e do Dia da Cidade, em 22 de outubro. O desfile de Martim Francisco, que seria realizado no domingo, 30, em comemoração à Independência da República, também foi cancelado.


Desfiles cívicos de Independência e de Aniversário da Cidade foram cancelados pelo prefeito Gustavo Stupp (Foto: Arquivo/A COMARCA)

A decisão é consequência do decreto n° 6.973/2015, de autoria do prefeito Gustavo Stupp (PDT), que suspendeu investimentos em Mogi Mirim por tempo indeterminado. Segundo a Prefeitura, o cancelamento dos desfiles é necessário para assegurar o pagamento dos salários dos servidores municipais e manter o equilíbrio entre receita e despesas públicas.

"Promover os desfiles cívicos, neste momento, demandaria gastos com combustível para o transporte de alunos, pagamento de serviços de motoristas e dos profissionais de educação, além de investimento em decoração e contratação de serviços de som", destacou a Prefeitura.

Com a queda de receitas do município, o Governo Stupp vem colocando em prática planos de contenção de despesas, que estão cada vez mais duros. A ordem agora é economizar até nas contas de água e energia elétrica, restringindo o uso de ventiladores e equipamentos de ar-condicionado.

Por Flávio Magalhães

1 comentários:

  1. Depois de tanto esforço!!! Tantos ensaios tantos gastos com uniforme e outros... Pq não avisaram antes?? E agora sr Prefeito quem vai ressarcir tudo isso?? Afinal nossos,alunos que pagaram pelo seus uniformes!!!

    ResponderExcluir

Scroll to top