Levantadora Fofão ministra clínica no Mogiano

Uma parceria entre o Serviço Social do Comércio (Sesc), Secretaria de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel) e Sindicato do Comércio Varejista de Mogi Mirim (Sicovamm) viabilizou uma clínica de voleibol no Clube Mogiano com a levantadora Hélia Rogério de Souza Pinto, a Fofão.

Com o ginásio de esportes lotado de crianças, fãs da atleta e da modalidade esportiva, Fofão contou episódios do início da sua carreira, que teve momentos de dificuldades e muita superação. “Um dia pensei em desistir. Mas tive apoio a resolvi encarar os desafios”, comenta a atelta.

Fofão iniciou no voleibol como atacante e só depois de algum tempo, através do técnico José Roberto Guimarães que se aventurou para se tornar a melhor levantadora do Brasil. “Ele chegou um dia e me disse: quer ser a uma levantadora de verdade? A levantadora é o cérebro da equipe. Achei a proposta interessante e me aventurei”, destaca Fofão.

Atleta lotou o ginásio de Esportes do Clube Mogiano (Foto: Marcelo Gotti/A COMARCA)

Questionada pela reportagem de A COMARCA sobre o momento que vive o voleibol no Brasil, a jogadora é enfática: “Acho que estamos no caminho certo. Precisamos apostar mais nas crianças e jovens para haver uma renovação na modalidade esportiva”.

Ações com a clínica realizada no Clube Mogiano é destacada por Fofão como de muita importância. “Todo jovem precisa ter uma referência. Um espelho. Aqui temos vários jovens e muitos deles podem despertar pela vocação de seguir uma carreira de atleta”, explica a jogadora.

A estrela do vôlei feminino e ex-atleta olímpica realiza apresentações e intervenções esportivas de voleibol. O objetivo é disseminar a prática esportiva e conscientizar sobre os aspectos e valores do esporte enquanto ferramenta para o lazer.

“Fofão” conquistou vários títulos pelos clubes e pela seleção brasileira de voleibol. Foi considerada a melhor levantadora da Superliga de Voleibol nos anos de 1991/1992, 1998/1999, 2001/2002.

Conquistou medalha de ouro nas Olimpíadas de Pequim, em 2008. É a atleta mais vitoriosa do vôlei brasileiro: além do ouro olímpico, foi medalhista de bronze em 1996 e 2000.

Por Marcelo Gotti

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top