CEBE irá disponibilizar curso de Agente de Aeroporto

Em parceria com a empresa MundiCursos, o Centro de Educação e Integração Social “Benjamin Quintino da Silva”, o CEBE, irá disponibilizar para a população de Mogi Mirim e toda a região, um curso de Agente de Aeroporto.

O curso terá duração de 45 horas aulas, com início previsto para o próximo dia 13 de outubro. As aulas irão ocorrer as terças e quintas-feiras das 19h às 22h durante sete semanas e os interessados terão que disponibilizar um investimento de R$ 635. O valor pode ser dividido em até três vezes.

Antes do início das aulas, representantes da empresa MundiCursos irão realizar uma palestra na unidade do CEBE para demonstrar aos interessados as áreas de atuação e benefícios que o curso de Agente de Aeroporto pode trazer aos candidatos.

No dia das orientações sobre o curso de Agente de Aeroporto haverá também o sorteio de uma bolsa integral para o curso e os interessados já poderão realizar a inscrição. A palestra será efetuada na sede da CEBE às 19h.

As turmas serão formadas entre 20 e 40 alunos e os candidatos poderão após se tornar um Agente de Aeroporto, ter uma renda mensal de aproximadamente R$ 2 mil.

Na região de Mogi Mirim, o Aeroporto de Viracopos, em Campinas, é um dos locais em expansão e que tem carência de profissionais deste ramo. “Decidimos por este curso por ser diferente e proporcionar aos candidatos oportunidade de trabalho bem próximo de nós”, enfatiza o presidente do CEBE, Jorge Barbosa.

Por semestre, o CEBE qualifica aproximadamente 120 jovens com cursos pré-profissionalizantes, além de ingressar os adolescentes em empresas da cidade através do programa “Jovem Aprendiz”.

Presidente da CEBE, Jorge Barbosa (primeiro à esquerda), enfatizou importância do curso (Foto: Marcelo Gotti/A COMARCA)

AGENTE
O Agente de Aeroporto atua nas companhias aéreas nacionais e internacionais nos serviços de check in, embarque e desembarque de passageiros, serviços de atendimento especial, busca de bagagem extraviada, reservas, informações e vendas de passagens aéreas nacionais e internacionais.

Esse profissional é o cartão de visitas da empresa, portanto, um agente de aeroporto tem que almejar sempre a qualidade e a discrição, por meio dele os usuários saberão o tipo de serviço que é oferecido pela empresa. E o campo de trabalho não se restringe apenas aos aeroportos; hotéis e agências de turismo também contratam este tipo de profissional.

O setor hoteleiro é o que mais contrata principalmente para fazer os check ins dos hóspedes. O candidato precisa ter desenvoltura em relações humanas, paciência, sociabilidade, comunicabilidade, capacidade de decisão, desembaraço, discrição, firmeza, espírito de equipe, humildade, entusiasmo e motivação para o trabalho, gosto em lidar com publico de hábitos, culturas e tradições diferentes.

Em geral, o mercado de trabalho é promissor e competitivo, e a seleção é bastante rigorosa composta de: triagem, entrevista de pré-qualificação, teste psicológico, dinâmica de grupo e exames médicos.

A remuneração geralmente é fixa, variando entre R$ 1.200,00 e R$ 1.900,00, incluindo ainda vale transporte, vale alimentação, vale refeição, plano de saúde e assistência odontológica. A jornada de trabalho é de 6 horas diárias com folga semanal, em regime de escala.

O funcionário recebe uniforme grátis e uma cota de passagens aéreas com tarifa reduzida ou grátis para si e seus dependentes conforme estabelecido pela companhia aérea. O salário pode se multiplicar com as promoções existentes no plano de carreira de cada empresa.

Por Marcelo Gotti

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top