Após trafegar 4 km na contramão homem bate em ônibus e morre

Um acidente na tarde do sábado, 24, resultou na morte do aposentado Carlos Ernesto Sisti, 61 anos.
Segundo informações da Polícia Rodoviária, Sisti conduzia o veículo, um Fiat Strada, por cerca de quatro quilômetros na contramão de direção da SP-340, e no Km168 da pista, próximo ao Posto Rio Guaçu, colidiu de frente contra um ônibus que seguia na direção contraria.

O acidente aconteceu por volta das 15h e, segundo relatos de testemunhas a vítima, antes de colidir contra o ônibus teria batido contra a lateral de um Renault Sandero.

Renault Sandero atingiu ônibus após trafegar na contramão

Após esta colisão, houve o violento choque contra o coletivo, causando a morte instantânea do aposentado. Dois ocupantes do Renault Sandero também ficaram feridos e foram encaminhadas ao hospital.

Não se sabe o motivo que levou o aposentado a seguir pela rodovia na contramão. Familiares da vítima que estiveram no local do acidente, mesmo abalados, informaram que ele estava com um tumor no cérebro, e que às vezes ele ficava desorientado.

A perícia foi acionada para apurar as causas do acidente e imagens deverão ser solicitadas à concessionária responsável pela rodovia.

Por Maria Clara da Cunha Canto

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top