Mogimiriana apresenta projeto para revitalizar quadras do Zerão

A mogimiriana Maria Luiza Cruz da Cunha Canto, a Malu, de 21 anos, estudante de Engenharia Civil da Faculdade de Jaguariúna (FAJ), aproveitou um trabalho escolar da disciplina para apresentar um projeto de revitalização das quadras Três Marias, no Complexo Esportivo “José Geraldo Franco Ortiz”, no Lavapés.
O projeto foi apresentado no I Seminário de Gestões de Projetos dentro da Semana da Engenharia da FAJ, que ocorreu entre os dias 16 e 19 de novembro. O projeto renderá um certificado aos estudantes.

Maria Luiza, ao lado de dois outros colegas de classe, Jeferson Silva e Augusto Lourenço Barros, que cursam o 6º semestre de Engenharia Civil, criaram uma empresa Júnior: a Durable Engenharia Sustentável.
A criação da empresa foi um dos requisitos necessários para a criação do projeto de revitalização das quadras do Zerão. Os estudantes de Engenharia Civil foram um dos poucos que apresentaram um projeto de infraestrutura. “Optamos em apresentar um projeto de infraestrutura porque pode favorecer as pessoas e não apenas ficar no papel”, comenta Maria Luiza.

Projeto foi apresentado durante seminário da Semana de Engenharia da FAJ


A ideia de adotar as “Três Marias”, no Lavapés, surgiu em consequência de o local ser muito frequentado pela população, principalmente aos finais de semana, e as quadras apresentarem alto grau de depredação. “É um espaço muito usado para a pratica esportiva e lazer. Mas atualmente, principalmente a quadra poliesportiva, esta totalmente abandona e sem manutenção há muito tempo”, destaca a estudante mogimiriana.

O projeto, com custo estimado em quase R$ 218 mil, prevê a construção de uma quadra de areia, uma de saibro e uma de cimento poliesportiva, além de arquibancada metálica, rampa de acesso e iluminação Led. “É um projeto que traz modernidade sem oferecer degradação da área verde existente no local”, afirma Maria Luiza.

Resultado projetado da revitalização das quadras esportivas do Zerão, segundo projeto

Antes de uma apresentação para todos os alunos da faculdade, o projeto foi apresentado para os alunos da sala. Bem elaborado em detalhes, planejamento e custos, o projeto atendeu as expectativas do reitor da faculdade, segundo a estudante mogimiriana. “Apresentamos para aproximadamente 80 a 90 pessoas. Fizemos uma pesquisa para verificar a aceitação do projeto e tivemos um retorno de 98% positivo”, aponta Maria Luiza.

Para não fica apenas no papel, a estudante da Faj pretende protocolar o projeto na Prefeitura sugerindo a execução das obras nas quadras “Três Marias”. “Pretendo protocolar o projeto para não ficar apenas no papel. Seria maravilhoso ver o projeto executado para atender as necessidades da população”, encerra Malu.

Por Marcelo Gotti

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top