Guaçu: Prefeitura desmente alagamento no Centro

A Prefeitura de Mogi Guaçu desmentiu os boatos espalhados pelas redes sociais neste sábado, 16, sobre alagamentos causados na região central. O prefeito Walter Caveanha afirmou que as informações são desencontradas, como a de que a ponte de ferro da Avenida dos Trabalhadores teria sido interditada, e que não têm a menor procedência.

Ruas no Centro,alagaram pelo refluxo das águas e lojas fecharam as portas (Foto: Rodrigo Fernandes)

O Poder Executivo da cidade vizinha também negou a convocação de uma entrevista coletiva. O monitoramento do Rio Mogi Guaçu vem sendo feito de forma tecnicamente adequada desde as 22 horas de sexta-feira, 15. A vazão neste momento é de 500 metros cúbicos por segundo.

Segundo a Administração guaçuana, todos os recursos necessários estão mobilizados para as eventualidades. Estão em ação as secretarias de Serviços Municipais, de Obras e Viação, de Meio Ambiente, a Guarda Civil Municipal e a Defesa Civil Municipal.

Algumas famílias da Vila Bertioga preferiram deixar suas casas e foram removidas com caminhões da Prefeitura para a residência de parentes. Na Vila Maria, algumas famílias também estão removendo pertences para a casa de parentes. Duas levaram móveis para o Ginásio Ary Marchiori.

De acordo com informações do jornal Gazeta Guaçuana, o Rio Mogi Guaçu transbordou na região do Parque dos Ingás e Vila Maria.

Da Redação

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top