Motorista vai à Justiça cobrar da Prefeitura danos feitos por buracos

A motorista Helenita dos Santos Miles vai acionar o Tribunal de Pequenas Causas para cobrar da Prefeitura os prejuízos que teve com seu veículo em razão de um enorme buraco nas proximidades da rodoviária. Entre troca de pneu, alinhamento e despesas com táxi, foram gastos na ordem de R$ 690.

Para a reportagem de A COMARCA, Helenita contou que o incidente ocorreu no fim de janeiro, quando precisou levar seu marido, que trabalha em São Paulo, à rodoviária de Mogi Mirim às 05 horas da manhã. No caminho de volta, na Rua Antonio Rossi, atrás do terminal, caiu no buraco.

Segundo relatos da motorista, o local estava mal iluminado, por isso não foi possível desviar da cratera. O incidente acabou rasgando o pneu de seu veículo. “Fiquei com muito medo, pois o caminho é muito escuro”, afirmou. Sozinha, portanto sem condições de trocar o pneu, rodou até a rodoviária novamente.


Como ainda era de madrugada e não havia como pedir ajuda, Helenita acionou um táxi para poder ir embora para casa. Deixou o carro perto da rodoviária, voltando lá pela manhã para substituir o pneu rasgado.

“O taxista disse que dias antes aconteceu com ele, nesse mesmo buraco”, lembra a motorista. “Disse ainda que aconteceu com um senhor de idade, num dia chuvoso, e que ele ajudou o senhor levando-o numa borracharia”, completou. “Tem acontecido com frequência”.

Helenita também cobrou atitudes da Administração Municipal. “A Prefeitura não resolve, nem sequer sinaliza”, critica. “O caminho que faço de casa para o trabalho, me obriga a desviar de vários buracos”, reclama.

Da Redação

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top