Santa Casa alerta sobre golpe para realização de procedimentos

A Santa Casa de Mogi Mirim, assim como outras instituições de todo o Estado de São Paulo, está sendo vítima de falsários que, passando-se por membros da Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde (Cross) e com informações de pacientes, solicitam a seus familiares que efetuem depósitos em dinheiro para a realização de supostos procedimentos em nome de médicos do hospital.

A Santa Casa não realiza ligações aos familiares solicitando exames, o que é feito exclusiva e pessoalmente pelo médico responsável. O tratamento dos pacientes internados pelo Serviço Único de Saúde (SUS), assim como qualquer procedimento que seja necessário, será custeado pelo SUS.

Desta forma, qualquer pedido de exame ou outro procedimento que acarrete em custos para familiares dos pacientes deve ser tratado como suspeito e comunicado ao hospital.

A instituição repudia qualquer atitude que coloque em cheque o trabalho filantrópico. Segundo a Santa Casa, a ação é elaborada por inescrupulosos criminosos que atuam à margem da lei, e utilizam-se da boa fé das pessoas, já fragilizadas em razão da enfermidade, para benefício próprio.

Em caso de algum paciente ou familiar receber algum telefonema, a Santa Casa orienta para que a pessoa entre em contato com a instituição pelos telefones: 3814-3070 (Assessoria de Comunicação) ou 3814-3022 (Secretaria).

Da Redação

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top