Clínica Cristália fecha e demite 140

Cerca de 140 funcionários entre médicos, enfermeiros, auxiliares e administrativos estarão no olho da rua assim que a Clínica Cristália fechar definitivamente as suas portas, o que está previsto para o final do mês de agosto.

Não deram certo as tentativas de tocar a Clínica de Repouso Itapira, nome oficial da instituição, apenas com a verba dos planos de saúde, convênios e pacientes particulares, como havia sido proposto no começo deste ano.

Em nota enviada à imprensa, a direção da clínica ressalta que foi realizado um grande esforço na continuidade da operação da instituição após o encerramento do convênio com o Sistema Único de Saúde (SUS), consequência da decisão do Ministério da Saúde em não reajustar o valor subsidiado dos leitos de internação dos pacientes do SUS desde 2008.


Ainda de acordo com a direção, sem a verba do SUS condizente com os gastos, tornou-se insustentável a operação da Clínica somente com os atendimentos particulares ou por meio de convênios de saúde privados.

Isto aconteceu porque a demanda é menor do que o necessário para viabilizar o caixa e dar uma sustentabilidade econômico-financeira da Clínica de Repouso Itapira, que sempre priorizou pela excelência do padrão de qualidade oferecido aos seus pacientes, desde que foi fundada em 1969.

Atualmente, a Clínica conta com 38 pacientes atendidos pelo sistema particular e através de convênios, e para ser viável deveria ter no mínimo 64 pacientes, o que está longe de cogitação.

Os pacientes do SUS, desde de abril, já não estava sendo atendidos pela instituição, e foram encampados por outras instituições de referência na área de saúde mental.

A Clínica fica na Rodovia SP-147, entre Itapira e Lindóia, ao lado dos Laboratórios Cristália. O diretor técnico e clínico da instituição, Paulo Roberto Gasperotti Sampaio, informou em coletiva de imprensa, realizada no final do ano passado, que os prejuízos financeiros vinham se acumulando há 10 anos, e se acentuaram com a crise econômica que assola o país.

Com informações do jornal Gazeta Itapirense

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top