PTB anuncia apoio ao PMDB de Ricardo Brandão

A direção do PTB de Mogi Mirim oficializou nessa semana o apoio à pré-candidatura de Ricardo Brandão (PMDB) para as eleições majoritárias de outubro. Com isso, os petebistas abrem mão da chapa pura que tinha Daniela Dalben e André Mazon como postulantes a prefeita e vice.

De acordo com o presidente municipal do PTB, Paulo Barbosa, a decisão se deu por unanimidade dentro do partido, inclusive com a anuência de Daniela e Mazon. “Foi a melhor proposta [a do PMDB], não só política, mas de ideias para a cidade”, justificou Barbosa.

Ainda segundo o presidente do PTB, o ex-prefeito Ricardo Brandão seria o candidato mais preparado no pleito de outubro justamente por sua experiência anterior como chefe do Executivo. “Não que as outras candidaturas sejam piores, mas optamos por alguém mais maduro”, afirmou o presidente petebista.

O próximo passo da legenda é conversar com Brandão para definir a escolha do vice, na qual o PTB tem interesse e vai brigar por uma indicação. Nesse cenário, três nomes se destacam: o de Daniela, o de Mazon e o do ex-vereador e ex-vice-prefeito José dos Santos Moreno, o Mogiano. Na semana passada, conforme publicou a coluna “Confidencial” do jornal A COMARCA, foi dada como certa a indicação de Mogiano como vice de Brandão, embora o PMDB negue.

André Mazon (foto) e Daniela Dalben abriram mão de suas pré-candidaturas para apoiar Ricardo Brandão

Outra justificativa do PTB para abortar a chapa pura foi a estratégia de fortalecimento da sigla no Legislativo, uma vez que, caso não sejam indicados como vice de Ricardo Brandão na coligação com o PMDB, Daniela, Mazon e Mogiano podem se candidatar à vereança. “Em qualquer um desses papéis [vice-prefeito ou vereador] eu me sinto preparado e pronto para ajudar”, ressaltou André Mazon, em coletiva à imprensa.

Com essa estratégia, o PTB se planeja para fazer ao menos duas cadeiras na Câmara Municipal de 2017, sem descartar a real possibilidade de indicar um vice-prefeito na chapa de Ricardo Brandão. A convenção partidária, que deve acertar os últimos detalhes entre os petebistas, está marcada para o dia 30 de julho.

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top