Homem é assassinado pelo próprio pai na Vila Pichatelli

Edmundo Souza Emílio, 69 anos foi preso em flagrante acusado de homicídio doloso, após na tarde de terça-feira, 20, ter matado o filho, Wagner Faria Emilio, 43 anos, com dois tiros na nuca. Ele foi capturado pela Guarda Municipal, após ter efetuado os disparos.

Segundo as informações relatadas à Polícia, a discussão entre pai e filho, no dia do crime, teve início por causa do cachorro da família. O animal teria escapado na rua. Edmundo teria chamado o cão, porém, só teria conseguido colocá-lo para dentro da casa após bater no animal.

“Tomando as dores” do bichinho, Wagner teria partido para cima do pai, entrando em luta corporal com o mesmo. Após se agredirem mutuamente, Edmundo teria ido até o interior da casa, onde pegou o revólver e saiu atrás do filho que correu pela calçada em frente à moradia da família, localizada na Rua Antônio Domingos Brait, na Vila Pichatelli.

Edmundo teria efetuado dois disparos, acertando em cheio a nuca do filho que caiu morto. Em seguida, ele teria deixado o local e foi localizado pelos guardas municipais a cerca de 400 metros de distância onde ocorreu o crime. Ao ser abordado, ele informou que havia jogado a arma em um córrego nas proximidades, sendo feitas buscas e nada localizado.

Ele foi detido e encaminhado ao plantão policial, onde foi autuado em flagrante pelo crime de homicídio doloso. Ao ser indagado, Edmundo disse não ter intenção de atirar contra o filho e sim, disparar para cima.

ARMA
No dia seguinte ao crime, policiais civis seguiram em busca da arma, acabando por localizar a mesma escondida na casa da família. A mesma foi apreendida.



Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top