Audiência sobre Centros de Treinamentos termina sem acordo

Foi realizada na última quarta-feira, 19, a primeira audiência para conciliação referente às transferências dos Centros de Treinamentos do Mogi Mirim Esporte Clube. Porém, a primeira audiência terminou sem acordo de ambas as partes interessadas.

O imbróglio judicial teve inicio no ano de 2008, quando o ex-jogador Rivaldo assumiu a presidência do clube. Para ocupar o cargo, o mesmo assinou um documento se comprometendo a não dissipar o patrimônio do Mogi Mirim. Entretanto, tornou-se de conhecimento público a transferências dos Centros de Treinamento de Mogi Guaçu e Limeira para Rivaldo.

Enquanto a ação judicial transcorre na justiça, o Mogi Mirim continuará utilizando as dependências dos Centros de Treinamentos.



Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top