MMEC chega ao 5º jogo sem vitória

Desde a vitória por 4 a 2 sobre o Juventus no dia 15 de fevereiro, o Mogi Mirim Esporte Clube não sabe o que é vencer no Campeonato Paulista da Série A2. O incômodo jejum chegou a cinco jogos consecutivos no último sábado, 11, com o empate por 1 a 1 diante do Capivariano, em pleno estádio “Vail Chaves”.

O Sapão da Mogiana segue amargando a penúltima posição do campeonato com apenas oito pontos ganhos. Já o time de Capivari, que vinha de duas vitórias seguidas , ultrapassando o próprio Mogi Mirim, chegou aos seus 10 pontos e ocupa a 17ª posição.

O jogo foi movimentado, e o Capivariano não demorou muito para abrir o placar. Aos 16 minutos, após boa troca de passes entre Corrêa e Oliveira, a bola foi passada para Bill, que se desmarcou na grande área e não desperdiçou.

Logo depois do gol, o Mogi chegou duas vezes com muito perigo e quase empatou. Aos 32 minutos, Vitinho arriscou de longe e a bola explodiu na trave. No rebote, com o gol aberto, Edinho chutou para fora.

Aos 37, o Sapão da Mogiana chegou ao empate, em pênalti desnecessário do zagueiro Leandro Silva. Na cobrança, Miguel não desperdiçou: bola pra um lado e goleiro para o outro.

Na volta do intervalo, o jogo ficou mais calmo. Aos 25 minutos Miguel quase virou o jogo para o Mogi Mirim. O jogador, porém, não contava com o reflexo do goleiro adversário, que salvou o Leão da Sorocabana.

Em disputa de bola, o jogador Régis, do Mogi Mirim, levou a pior ao bater a cabeça com Carlos Melo. Desacordado, o atleta precisou ser levado ao hospital pela ambulância. No lance, os próprios jogadores do Capivariano pediram que o jogo parasse imediatamente.

No final do segundo tempo ainda deu tempo para que Vinícius, do Capivariano, fosse expulso. O jogador recebeu o cartão vermelho direto após falta violenta. Apesar da vantagem numérica, não houve muito tempo para que o Mogi alterasse o placar.

PRÓXIMO
Hoje, 18, no Estádio “Antônio Lins Ribeiro Guimarães”, às 16 horas, em Santa Barbara D’Oeste, o Sapo enfrenta o União Barbaranse pela 11ª rodada do Paulista da Série A2. O Leão da 13 é o lanterna da chave com apenas quatro pontos somados.

Em caso de vitória fora de casa, o Mogi Mirim chegaria aos 11 pontos e, dependendo dos resultados da rodada, poderia figurar entre os times que estariam fora do Z6, as equipes que serão rebaixadas para a Série A3 do Paulista.

Ainda com um dos ataques mais positivos da Série A2, ao lado do Taubaté, com 17 gols marcados, o Sapo aparece com um rendimento de apenas 26,7% dos pontos disputados.


Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top