Free Play fecha o ano entre as 15 melhores

A temporada 2017 foi, sem dúvidas, inesquecível para a Free Play/Sejel. A equipe mogimiriana de natação desenvolveu mais uma vez seu trabalho de treinamento com pessoas das mais diversas faixas etárias. Um projeto que nasceu há 23 anos e que segue no caminho da excelência, independente dos objetivos traçados por seus alunos.

No caso daqueles que formam a equipe de competição, os resultados em nível regional, estadual e nacional foram importantes e estão evidenciadas no ranking divulgado no último final de semana pela CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos).

Ao término dos ‘Brasileiros’, a Free Play/Sejel fechou a temporada na 14ª posição. Um feito histórico para a natação mogimiriana. “É uma condição que chega a emocionar. Trabalhamos muito duro, todos os dias, para oferecer o que há de melhor para os nossos atletas. E mesmo com o poderio econômico de outras equipes, conseguimos alcançar esta marca. Acima de tudo, estou muito feliz por toda dedicação que meus atletas têm nos treinos e nas competições. Desde os pequeninos até o pessoal do sênior. Eles estão de parabéns”, frisou o coordenador da equipe, Ricardo Martiniano.

Para o treinador, uma das demonstrações de força da Free Play não é o fato do trabalho ser realizado em uma cidade pequena do interior, mas, sim, a diferença na quantidade de atletas que integraram as equipes durante as competições. “Nós fomos para estes campeonatos nacionais com poucos atletas e, mesmo assim, ficamos entre as 15 melhores”, destacou.

Martiniano creditou os resultados ao apoio que recebe, tanto da Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Esporte Juventude e Lazer (Sejel), assim como aos patrocinadores. Empresas que acreditam no trabalho desenvolvido com seriedade pela Free Play.

Colégio Conectado, Gonçalves Avenida Society, Ótica Líder, Sucos Alvorada e VSwim e apoio do Laboratório 22 de Outubro e da Clínica Vitallis são as empresas que caminham lado a lado com a natação mogimiriana. Além do Clube Mogiano, que através de seu diretor de esportes, Maurício Tavares, cede as piscinas do Recanto para determinados treinamentos da Free Play.

“Estes parceiros são fundamentais. Posso garantir que, mesmo com toda nossa experiência e com o talento dos nossos alunos, seria impossível chegar onde chegamos sem os nossos parceiros”, afirmou, emocionado, o coordenador da equipe.

Para se posicionar entre as grandes potencias da natação nacional, a Free Play/Sejel conquistou pontos em três das seis competições que angariaram pontos para o ranking nacional. A Free Play somou 16 pontos no Troféu Maria Lenk (Absoluto) e 14 no Troféu José Finkel (Absoluto), além de 12 pontos no Troféu Daltely Guimarães (Sênior), competição que fechou o calendário nacional em 2017 e que foi realizada entre os dias 6 e 9 de dezembro.

No Troféu Maria Lenk, apenas o atleta Conrado Coradi Lino representou a Free Play. No José Finkel, além de Conrado, foram também o irmão dele, Thomas Coradi Lino e Bárbara Cecato Barbosa. O trio também representou Mogi Mirim no Campeonato Brasileiro Júnior Sênior, em dezembro. Com 42 pontos, a Free Play ficou à frente de clubes tradicionais, como Paineiras do Morumby, Clube Espéria e Hebraica, além de agremiações de capitais como Rio de Janeiro, Salvador e Natal.

O campeão nacional de 2017 foi o Esporte Clube Pinheiros, de São Paulo, com 210 pontos, três a mais que o Minas Tênis Clube.  O trabalho da Free Play é desenvolvido com o patrocínio da Prefeitura Municipal de Mogi Mirim, através da Secretaria de Esporte Juventude e Lazer (Sejel), Colégio Conectado, Gonçalves Avenida Society, Ótica Líder, Sucos Alvorada e VSwim e apoio do Laboratório 22 de Outubro, Clínica Vitallis e do Clube Mogiano.



Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top