Servidores são pegos dormindo em serviço

Flávio Magalhães

A Prefeitura de Mogi Mirim instaurou procedimento administrativo contra sete funcionários públicos municipais que foram pegos dormindo, assistindo televisão e deitados sob uma árvore por volta das 9h30, em pleno horário de serviço. O flagrante foi feito pelo secretário de Governo, Danilo Zinetti, nas dependências da Secretaria de Obras.

Zinetti, que recebeu do prefeito Carlos Nelson Bueno (PSDB) a incumbência de coordenar as secretarias municipais nos mutirões de limpeza, contou para A COMARCA que notou um efetivo pequeno de funcionários trabalhando na limpeza do Córrego Santo Antônio, no último dia 18. Foi quando decidiu procurar os demais servidores no galpão da Secretaria de Obras, localizado ao lado da sede do Serviço Autônomo de Água e Esgotos (Saae).

O secretário de Governo levou como testemunhas os secretários de Cultura e Esporte, Marquinhos Dias, de Planejamento, Eduardo Schmidt, e a secretária interina de Obras, Silvia Zinetti, que estavam em reunião no local. “Encontramos um dos servidores assistindo televisão, outro dormindo e os demais embaixo de uma árvore”, relatou Zinetti. Os funcionários tinham idade entre 40 e 60 anos, em sua maioria.

Os sete servidores públicos foram questionados pelos secretários. No entanto, nenhum deles respondeu, o que foi interpretado como uma atitude de deboche e insubordinação. “Foi uma cena triste de se ver, não só como secretário, mas como munícipe”, relatou Zinetti, que no mesmo dia comunicou os fatos ao prefeito Carlos Nelson, que determinou a abertura de procedimento administrativo.

Segundo o secretário de Governo, todos esses funcionários deveriam estar participando do trabalho conjunto de conservação e limpeza da cidade, que visa o combate aos criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, da Febre Amarela e de outras doenças. “Não é justo com a população, é um mau exemplo que vou combater”, garantiu Zinetti.

Ao processo administrativo foram juntadas fotos das condições do barracão em que os servidores estavam. É possível notar muita sujeira no local, que é de responsabilidade dos próprios funcionários. No lixo, os secretários municipais encontraram garrafas vazias de bebidas alcoólicas, como cachaça.

Todos os sete funcionários foram afastados do trabalho até a conclusão do processo administrativo disciplinar. A penalidade pode chegar até a demissão por justa causa de todos os envolvidos. “Uma das nossas obrigações é pagar salários em dia, uma das obrigações dos servidores é cumprir a carga horária de trabalho”, frisou o secretário de Governo, que afirmou ter apoio da categoria. “Quem trabalha, realmente, não está preocupado. Porque tem gente muito boa que paga por esses maus exemplos”.

Secretário de Governo Danilo Zinetti flagrou sete funcionários em repouso durante o expediente


Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top