Mogi fecha o turno contra o Brusque, em Águas de Lindóia

O Mogi Mirim entra em campo neste sábado, 5, para o encerramento do primeiro turno da primeira fase da Série D do Campeonato Brasileiro. O Sapo enfrenta o Brusque/SC, às 15h, jogando novamente como mandante. Mas, ao contrário da partida anterior, quando recebeu o São José/RS no Vail Chaves com portões fechado, o duelo contra os catarinenses será no estádio Leonardo Barbieri, em Águas de Lindóia, com venda de ingressos.

Até agora, o Mogi segue com sua sina de derrotas e segurando a rabeira de um campeonato. Depois de estrear perdendo para o Prudentópolis, no Paraná, por 2 a 0, o Mogi foi derrotado outra vez na tarde do último domingo, 29: 2 a 1 para o São José. Assim, ainda sem pontuar, o Sapo é o lanterna do Grupo 17. Por essa razão, a ordem e buscar a reabilitação neste sábado.

Contra os gaúchos, o Mogi relacionou 18 jogadores, bem diferente da partida de estreia, quando levou 14 jogadores para o Paraná e ficou com apenas três suplentes no banco de reservas. Com algumas caras novas, como os laterais Felipe e Stéfano, e o zagueiro Ian Carlo, o time teve uma outra postura. Mais ofensivo, o Sapo buscou o controle da partida desde o início.

Mesmo com o adversário criando chances de gols, foi o time da casa quem abriu o placar aos 36 minutos com o lateral Felipe. Em desvantagem, o São José partiu para o ataque, mas o primeiro terminou mesmo com a vitória parcial dos donos da casa por 1 a 0. Na volta do intervalo, os gaúchos voltaram avassaladores. Tanto que em três minutos, empatou e virou o placar.

Aos sete, Alexandre deixou tudo igual e aos 10, Kelvin fez o gol da virada. Depois disso, ambos os times seguiram atacando, mas o jogo terminou mesmo com a vitória dos visitantes por 2 a 1.



Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top