Mogi Mirim tem 2 casos suspeitos de sarampo

Mogi Mirim registra atualmente dois casos suspeitos de sarampo. Uma menina de 1 ano e uma mulher de 46 anos aguardam resultado de exames laboratoriais.

Desde o mês de julho, a Secretaria Municipal de Saúde busca conscientizar a população e incentiva a aplicação da vacina disponível em todas as UBSs, de forma gratuita. Já existe surto de sarampo em Campinas e São Paulo, o que reforça a preocupação do município com possíveis casos positivos.

Na semana passada, a Secretária de Educação Flávia Rossi, ao lado da coordenadora da Vigilância em Saúde, Joalice Penna Rocha Franco, e demais profissionais da Pasta, receberam, na sede da secretaria, diretores de escolas estaduais, particulares e faculdades de Mogi Mirim.

O objetivo era estabelecer um compromisso entre a Saúde e Educação no que diz respeito à conscientização de alunos e funcionários quanto à análise da carteira de vacinação e se necessitam receber alguma dose contra o sarampo. Outra meta é imunizar profissionais da Educação que nunca foram vacinados, entre 30 a 59 anos.

Ficou acordado que cada instituição de ensino enviaria uma lista com os nomes dos profissionais para as UBSs mais próximas das escolas, a fim de verificar a situação de cada pessoa. A medida se estende aos alunos, com a diferença da intensificação programada para o próximo sábado.



Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top