IBGE abre vagas para coordenador censitário, em Mogi Mirim e Mogi Guaçu

Da Redação

Um Processo Seletivo Simplificado (PSS) foi aberto pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para preenchimento de 1.343 vagas para Coordenador Censitário Subárea (CCS), uma delas para posto em Mogi Mirim, com atuação também em Itapira e Santo Antônio de Posse, e outra em Mogi Guaçu, abrangendo ainda Estiva Gerbi e Conchal. A função, destinada a coordenar os trabalhos iniciais do Censo Demográfico 2020, exige nível médio completo.

As inscrições seguem abertas até o dia 15 de outubro de 2019 e serão feitas pela internet, pelo endereço https://fgvprojetos.fgv.br/concursos/ibgepss2019. As provas estão previstas para 8 de dezembro e serão realizadas em 1.031 municípios. A taxa de inscrição é R$ 58 e a retribuição mensal para a função de CCS é R$ 3.100,00.

Função é destinada a coordenar os trabalhos iniciais do Censo Demográfico 2020 (Foto: Divulgação)

As provas terão 60 questões objetivas, divididas em dois módulos, de conhecimentos básicos e específicos. O módulo básico tem três disciplinas: Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico Quantitativo e Ética no Serviço Público. Já o módulo de Conhecimentos Específicos tem a disciplina de Noções de Administração e Situações Gerenciais.

Os candidatos devem ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH) definitiva ou provisória, dentro do prazo de validade, no mínimo para a categoria B. Outros requisitos são ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, nesse caso, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses; estar em dia com as obrigações eleitorais; estar em pleno gozo de seus direitos políticos; estar em dia com as obrigações militares, em caso de candidato brasileiro do sexo masculino; ter idade mínima de dezoito anos completos, na data de contratação; não ser servidor da Administração direta ou indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, bem como empregado ou servidor de suas subsidiárias e controladas, ainda que aposentado; não ter sido contratado pelo IBGE nos últimos 24 meses para serviço temporário; possuir aptidão física e mental para o exercício das suas atribuições; não ser sócio-gerente ou administrador de sociedades privadas.

Os requisitos detalhados estão estabelecidos no edital, que pode ser acessado pelo http://netstorage.fgv.br/ibgepss2019/Edital_PSS_FGV_-_CCS_ACO-_25092019-divulgacao.pdf. No mesmo endereço, podem ser conhecidos o cronograma completo do processo seletivo e a documentação necessária para a contratação dos aprovados.

Seguindo a legislação em vigor e as normas do edital, as pessoas com deficiência (PcD) terão direito ao mínimo de 5% das vagas e as pessoas pretas ou pardas (PPP), a 20%.
A jornada de trabalho será de 40 horas semanais, com 8 horas diárias. Os contratados terão direito aos auxílios Alimentação, Transporte e Pré-escolar, além de férias e 13º salário proporcionais, de acordo com a legislação que regulamenta este tipo de contratação.

O período máximo da contratação é de 12 meses, podendo ser prorrogado de acordo com a Lei nº 8.745/93. Os contratos terão vigência de 30 dias, podendo ser sucessivamente prorrogados por igual período, de acordo com a necessidade do trabalho e/ou disponibilidade de recursos orçamentários. O desempenho dos contratados será avaliado mensalmente. Segundo divulgado pelo IBGE, este é apenas o primeiro processo seletivo e outras vagas serão anunciadas futuramente.

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top