Mogimiriano é campeão brasileiro e internacional

Diego Ortiz

O lutador mogimiriano Matheus da Silva, de 20 anos, venceu Bruno Cesar de Paula, de 27, de Sorocaba, e conquistou os títulos de campeão brasileiro pelo Conselho Nacional de Boxe (CNB) e internacional pela Universal Boxing Organization (UBO), que estavam vagos, na categoria peso meio-pesado até 79 kg. A disputa ocorreu no sábado, no Clube Mogiano, na terceira edição do Arte do Boxe, promovida pela academia Arte da Luta e Mike Promotions, com supervisão do CNB. Transmitida ao vivo pela BandSports, a vitória de Matheus, atleta do Arte da Luta, foi por decisão unânime dos jurados.

Foi a última luta da noite e rendeu um prêmio aos lutadores como melhor disputa do evento. Reportagem do jornal O Estado de São Paulo definiu a luta como uma das melhores dos últimos tempos entre boxeadores brasileiros.  “52 anos de boxe eu tenho, essa foi uma das melhores lutas de boxe que vi na minha vida. Nós vamos levar para muitos anos isso aqui”, frisou Antonio Bernardo, considerado o maior árbitro de boxe profissional do Brasil, logo após a disputa.

Invicto, Matheus, que é treinado por Márcio Evandro Ribeiro, do Arte da Luta, já havia vencido quatro lutas profissionais.

Outra luta profissional envolvendo um mogimiriano do Arte da Luta também terminou com vitória do lutador da casa. Em disputa do peso superleve, até 63,5 kg, Pedro Guilherme dos Santos, de 18 anos, venceu Paulo Nícolas, de 24, de São Paulo, por nocaute, eleito como o melhor da noite. Na carreira, Pedro já tinha uma vitória, duas derrotas e dois empates. O evento foi patrocinado pela Syngre Investiments.


O jovem lutador mogimiriano ficou com os cinturões (Foto: Aron Rosa)


Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top