Homem mata a ex e comete suicídio

Na noite deste sábado, 23, Mogi Mirim registrou mais um feminicídio. O produtor rural Adenilson Prado, 36, matou a tiros a ex-namorada, Mariana Mafei, 30, em frente à casa dela, à rua Gregório Felipe, no Jardim Copacabana, atrás do supermercado Good Bom, na Zona Norte.

Segundo um parente de Mariana, que se encontrava na casa no momento do crime, Adenilson chegou ao local por volta das 21h. Bastante agitado, ele insistia em falar com a ex. Quando finalmente Mariana resolveu atendê-lo, na calçada em frente à casa, Adenilson sacou um rifle do seu carro, possivelmente calibre 38.

Ele mirou em direção à moça, que tentava correr de volta à residência. Ela foi atingida com um tiro nas costas. Como a ex-namorada ainda estava viva, Adenilson ainda fez mais dois disparos contra ela, acertando o peito e o braço esquerdo da vítima.

Ainda na calçada, Adenilson tentou se matar. Fez um último disparo, logo abaixo do queixo, tentando o suicídio. Ele chegou a ser socorrido à Santa Casa, com o estado de saúde considerado gravíssimo, mas veio a falecer em seguida

Crime aconteceu na Zona Norte da cidade

O crime revoltou a vizinhança. Todos conheciam Mariana, que deixa uma filha de apenas 7 anos. Segundo outro parente, ela vivia uma fase profissional excelente, trabalhando junto com a irmã no Mafei Hair Studio, um badalado salão de beleza no centro da cidade. O relacionamento de Mariana com Adenilson durou apenas quatro meses e eles estavam separados há menos de 30 dias.

Este é o segundo feminicídio somente este mês em Mogi Mirim. No último dia 6, Juarez Pedro Ferreira, 54, matou a ex-companheira, Genezia Souza, 43, a golpes de facão. Ele também decepou a mão esquerda da enteada.  Juarez acabou preso menos de 24 horas após o crime, na cidade de Jacutinga (MG), onde estava escondido.

Mariana foi morta por Adenilson na noite deste sábado


Nenhum comentário:

Leave a Reply

Scroll to top