!


Mulher é presa após homem ser morto com golpe de facão no pescoço

Maria Helena Rodrigues dos Santos, 25, foi presa após o assassinato de um homem no início da tarde desta terça-feira, 10, no Parque das Laranjeiras, Zona Leste da cidade. O funileiro aposentado Raimundo Edelmir Emídio Soares, 55, sofreu um golpe de facão no pescoço e morreu na hora.

À Polícia Civil, Maria Helena alegou legítima defesa, pois, segundo ela, o aposentado tentou estuprá-la dentro da casa em que ele morava sozinho, à rua Professora Maria Luiza Costa Camargo, antiga rua 12.

A mulher contou aos investigadores que Soares a teria trancado na casa, passando a ameaçá-la. Acuada, ele teria desferido o golpe de facão que acabou matando o aposentado. O crime ocorreu por volta das 13h.

De acordo com vizinhos, após o crime, Maria Helena teria deixado a casa e caminhado tranquilamente pela rua. Inclusive, chegou a conversar com algumas pessoas que moram próximas ao local do homicídio. Mesmo com os pés sujos de sangue, disse que iria à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) fazer um curativo.

Horas depois, ela acabou presa por policiais militares das Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam) e encaminhada à Delegacia Central. Ainda de acordo com testemunhas, Maria Elena seria usuária de drogas e álcool, além de tomar remédios controlados para distúrbios psiquiátricos.

Já o funileiro aposentado, que vivia no mesmo endereço há 17 anos, também fazia uso constante de bebidas alcoólicas, segundo relatos. Testemunhas afirmaram ainda que ele teria o costume de pagar usuárias de drogas para manter relações sexuais com ele.

Até o fechamento desta reportagem, Maria Helena ainda não havia sido ouvida pelo delegado de plantão.

Crime ocorreu no endereço em que o funileiro aposentado vivia há 17 anos



Nenhum comentário:

Deixe um comentário

Scroll to top