!


Mogi Mirim investiga morte por suspeita de coronavírus

Mogi Mirim informou nesta segunda-feira, 30, que já contabiliza um óbito em investigação de paciente com suspeita de ter contraído o novo coronavírus. O homem de 47 anos faleceu na quinta-feira, 26, na Santa Casa.

Ele apresentava histórico de síndrome respiratória grave e o quadro evoluiu para o óbito. A família foi orientada sobre os procedimentos a serem adotados e está sendo acompanhada pelos órgãos de Saúde.

Contudo, por se enquadrar nos critérios estabelecidos dos sintomas de Covid-19, o caso foi incluído no quadro de suspeitos. Amostras foram colhidas e enviadas ao Instituto Adolfo Lutz. O exame é aguardado para os próximos dias e será informado assim que chegar.

A partir de determinação do Ministério de Saúde, a Vigilância em Saúde de Mogi Mirim mudou, nesta segunda-feira, o formato dos boletins periódicos referentes ao contágio por coronavírus. A Vigilância informará os casos envolvendo apenas funcionários de saúde que apresentarem sintomas do Covid-19 e pacientes diagnosticados com sintomas de síndrome gripal aguda grave.

Todos esses casos constarão no quadro de casos notificados. Por padrão, serão coletados os materiais e encaminhados para o Instituto Adolfo Lutz. As pessoas, internadas ou em isolamento domiciliar, serão monitoradas pela equipe da Vigilância em Saúde.

No período de aguardo dos resultados do exame, os casos serão contabilizados como suspeitos. Ao chegar o resultado, os dados serão informados nos quadros de caso descartado ou caso confirmado. Até o momento, Mogi Mirim possui 31 casos suspeitos e 9 descartados.


Nenhum comentário:

Deixe um comentário

Scroll to top