!


Polícia Civil esclarece homicídio de idoso e suspeito é preso

Menos de 24 horas após o assassinato de Luiz Antônio Macedo, de 76 anos, a Polícia Civil de Mogi Mirim prendeu, na manhã de quarta-feira, 24, o autor do crime, identificado como sendo o pintor Marcelo Galles da Silva, de 25 anos, que, inclusive, já havia trabalhado na casa da vítima.

Macedo foi morto a facadas na tarde de terça-feira, 23, próximo ao Túnel Mário Covas e da antiga estação de trem da Fepasa, hoje tomada por um matagal que separa o Mirante do bairro Mogi Mirim II, na zona Leste da cidade. Marcelo foi capturado no Jardim Brasília, caminhando próximo à casa da vítima.

Os trabalhos para tentar identificar o autor do homicídio começaram ainda na noite de terça por policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil local. Os investigadores trabalharam durante toda a madrugada de quarta, até chegar a Marcelo. Levado à Delegacia Central, ele deu detalhes do homicídio.

Ele confessou que estava armado com uma faca e que teria avistado Macedo caminhando na região, como fazia com certa frequência. Marcelo, então, resolveu roubar o celular da vítima e a abordou num caminho situado no meio do matagal, um atalho usado costumeiramente por Macedo para chegar à zona Leste.

Quando foi surpreendido pelo criminoso, o idoso tentou reagir e acabou atingido por um golpe de faca. Seria o primeiro de muitos, embora Marcelo tenha dito aos investigadores do SIG que não se recorda do que ocorreu.

De acordo com análises preliminares do Instituto de Criminalística (IC), foram 26 lesões causadas por objeto cortante, sendo cinco no peito, cinco no pescoço e 16 nas costas. Apesar da brutalidade do crime, o rapaz também afirmou aos policiais que não era sua intenção matar o idoso.

Ele alegou que no momento do homicídio, estava sob o efeito de drogas e que não reconheceu o idoso. Marcelo já foi preso por tráfico de drogas e fazia bicos como pintor. O celular da vítima não foi achado e a Polícia trata o caso como latrocínio.



Nenhum comentário:

Deixe um comentário

Scroll to top