!


Subtenente Giovani é o vice de André Mazon

Flávio Magalhães

O pré-candidato a prefeito André Mazon (PTB) anunciou na última quinta-feira, 10, o subtenente Marcos Giovani da Cruz (Patriota) como pré-candidato a vice-prefeito. O militar é estreante na política e foi uma unanimidade dentre os partidos coligados.

“A escolha do vice demorou um pouco pela possibilidade de ter novos partidos na nossa coligação, mas está tudo acontecendo como era da minha vontade”, enfatizou Mazon, que nesta semana havia conversado também com o grupo do pré-candidato a prefeito Ricardo Brandão (Podemos).

Mazon enalteceu também o fato de ter o apoio de vários nomes do setor militar e até de parlamentares bolsonaristas. “Quem disser que tem o apoio do presidente Jair Bolsonaro está mentindo, porque ele já anunciou que não vai apoiar ninguém no primeiro turno. Mas tenho o apoio de oito deputados bolsonaristas, o que vai ajudar o governo lá na frente”, destacou o vereador e pré-candidato ao Executivo.

Giovani, por sua vez, afirmou se sentir honrado pela indicação e estar ciente do tamanho da responsabilidade. “E eu nunca fui político, mas, de uns anos para cá, passei a contribuir ainda mais para Mogi Mirim”, afirmou o subtenente, com mais de 20 anos de serviços prestados junto à Polícia Militar.

O militar também recebeu congratulações do MDB e do PTB. “Giovani preenche todo os requisitos necessários. Quem ganha é a população de Mogi Mirim”, avaliou o presidente municipal do MDB, Moacir Genuário. “Nossos nomes também foram colocados na mesa, mas nos despimos da vaidade em favor do grupo”, lembrou Cinoê. “Somos o Davi em meio aos Golias da política que estão aí fora”, destacou Tiago Costa.


Estreante na política, subtenente Giovani vai compor chapa ao lado de André Mazon (Foto: Flávio Magalhães/A COMARCA)

Nenhum comentário:

Deixe um comentário

Scroll to top