!


Mogi tem 52ª morte por Covid

O óbito de um homem de 62 anos por contágio de Covid-19 ocorrido no domingo, 11, e registrado na terça-feira, 13, aumentou para 52 o número de pessoas mortas em decorrência da doença em Mogi Mirim.

Também no domingo, foi notificado um óbito suspeito. O idoso de 77 anos estava internado. No entanto, na quinta-feira, 15, o resultado do exame descartou o contágio por Covid-19. Até o momento, não existem outras mortes sob investigação.

De acordo com o boletim divulgado ontem, 16, pela Secretaria Municipal de Saúde, Mogi Mirim chegou a 1.865 casos confirmados de Covid-19, um aumento de 98 casos nos últimos sete dias. Desse total, porém, 1.749 já se recuperaram da doença.

Há 55 pessoas em isolamento social, além de outras 9 internadas, sendo que 6 estão em Unidade de Terapia Intensiva. Existem 89 casos suspeitos, que aguardam resultado de exames. A taxa de ocupação hospitalar em Mogi Mirim está em 32%.

TESTAGEM
As pessoas com idade acima de 60 anos – um dos grupos de risco ao contágio pelo novo coronavírus – residentes na região central, podem realizar os testes rápidos que acontecem neste sábado, 17, na Estação Educação, das 8h às 16h. Os idosos podem comparecer munidos de documento com foto e o Cartão de Registro do Sistema de Informação Municipal (SIM).

A campanha prossegue e, no próximo dia 30, a testagem será no bairro Jardim Planalto, das 8h às 16h, na Unidade Básica de Saúde (UBS) José Antonio Villa Nova, na Rua Sebastião Milano Sobrinho, 1.455. Com isso, a oferta de testes rápidos alcançará moradores de todas as regiões do município.

Em todas essas etapas, os protocolos sanitários são estabelecidos pela Comissão Técnica Municipal de Contingenciamento ao Novo Coronavírus. Dentre eles, profissionais e a população devem estar protegidos com máscara facial, utilizar álcool em gel e manter o distanciamento social.




Nenhum comentário:

Deixe um comentário

Scroll to top