!


Sônia Módena é a vereadora mais votada da história política de Mogi Mirim

Ana Paula Meneghetti

“A vitória não é só da Sônia. É da cidade ter reconhecido o trabalho de uma mulher”, declarou a vereadora reeleita, em entrevista exclusiva ao jornal A COMARCA, no final da noite de domingo, 15. Sônia Módena conquistou o posto de vereadora mais votada da história política de Mogi Mirim, com 2.356 votos. 

A marca supera a de seu tio, José Jorge Módena, que chegou aos 2.150 votos, em 2004. Coincidências familiares à parte, a vereadora disse que esperava ser reeleita, mas não contava com um número tão expressivo. “Foram quatro anos trabalhando de forma incansável”, afirmou Sônia, que recebeu a confirmação dos números de sua eleição durante a conversa com A COMARCA.

Para a parlamentar, o resultado das urnas foi fruto da sua atuação em várias áreas; não só dentro da proteção animal. “Eu não fiquei tachada como a vereadora da causa animal”, completou. Isso porque Sônia também é atuante, enquanto investigadora da Polícia Civil, na questão da defesa dos direitos da mulher.

Além do seu trabalho, Sônia acredita que a ação corpo a corpo, realizada ao longo dos 45 dias antecedentes às eleições, junto aos moradores de diversas regiões da cidade, foi decisiva. “Não fiz campanha. Fiz uma prestação de contas, panfletando a pé, nos bairros”, explicou.

Para 2021, o objetivo é trabalhar mais e tentar a cadeira de presidente da Câmara Municipal para agilizar as ações dentro do Legislativo. Embora tenha sido a candidata mais votada, Sônia disse que se entristece com a baixa representatividade feminina na política. “Há poucas políticas públicas voltadas a nós. Quero abrir portas para outras mulheres”, destacou a parlamentar.

Sônia esperava ser reeleita no domingo, mas não com uma votação tão expressiva (Foto: Divulgação)



Nenhum comentário:

Deixe um comentário

Scroll to top