A Comarca

Cartão Cidadão deve integrar serviços

Facilitar o relacionamento entre munícipe e Prefeitura através de um cadastro único e universal na Administração Municipal. Essa é a proposta do Cartão Cidadão, a nova ferramenta criada pelo governo do prefeito Gustavo Stupp (PDT).

“O Cartão Cidadão é um código único do município dentro de todas as secretarias”, resumiu a secretária municipal de Tecnologia da Informação, Rúbia Mara Rossi, para A COMARCA. O grande diferencial da nova ferramenta é o compartilhamento de informações em tempo real dentro do Poder Público Municipal.

“Porque hoje não tem como ter um controle dentro da Prefeitura”, justificou o prefeito, afirmando à reportagem de A COMARCA que esse legado ficará para as futuras gestões. A partir da implantação total do novo serviço, cada setor vai saber o que acontece com determinado cidadão em outros setores.

Futuramente, por exemplo, a Secretaria de Educação poderá saber se o estudante está frequentando os serviços de Assistência Social regularmente. Ou então, um médico de uma Unidade Básica de Saúde (UBSs) poderá consultar todo o prontuário de seu paciente.

Mais que isso, quando a ferramenta estiver em fases avançadas, o cidadão poderá solicitar diretamente à Prefeitura serviços como podas de árvores ou troca de lâmpadas sem a necessidade de abrir um protocolo. “O papel vai acabar dentro da Prefeitura”, profetizou Stupp.

Por enquanto, o Cartão Cidadão está em fase de cadastramento. A expectativa é de que até fevereiro do ano que vem cada mogimiriano tenha o seu. O processo de integração também começou, e as secretarias de Saúde e Assistência Social são as primeiras a serem incluídas. A terceira e última fase será a implantação dos serviços prometidos.

Cadastro já pode ser realizado no Centro Cultural de Mogi Mirim (Foto: Flávio Magalhães/A COMARCA)

CADASTRO
Uma equipe de seis profissionais está atendendo a população no Centro Cultural “Lauro Monteiro de Carvalho e Silva”, à Avenida Santo Antônio, 430 – Centro, das 8h às 16h. O Cartão Cidadão é um documento que possui os dados pessoais e fotografia. Além da foto do munícipe, as digitais também são coletadas, o que irá trazer mais segurança na hora de utilizar os serviços públicos.

O cartão é de graça e fica pronto na hora. Até agora, aproximadamente 2,5 mil pessoas já fizeram o cadastro e já possuem o documento, que é necessário para a retirada do cartão do SUS (Sistema Único de Saúde). Para efetuar o cadastro, basta comparecer no horário de atendimento portando RG, CPF e um comprovante de residência atualizado. Cerca de 200 pessoas estão sendo atendidas por dia.

Por Flávio Magalhães
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Veja mais
Confira mais notícias
Edições semanais
EDITORIAL
Capa Nelson Theodoro

Siga a comarca nas redes sociais

site_mobile_menu

Siga A Comarca

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp