A Comarca

Cia. Vidraça de Teatro ganha premiação estadual

Diego Ortiz

A Vidraça Cia. de Teatro foi premiada com R$ 50 mil no Prêmio por Histórico de Realização em Teatro – Grupos, Companhias e Corpos Estáveis, promovido pelo Programa de Ação Cultural (Proac) do Governo do Estado de São Paulo. A notícia da conquista foi recebida em 13 de dezembro e a verba foi transferida para a conta bancária da companhia em janeiro de 2022.

Foram premiados 20 grupos entre os 308 do Estado de São Paulo que concorreram no Edital Proac Expresso Lei Aldir Blanc No 44/2021. O Vidraça ficou na quinta colocação como
resultado da pontuação dos precaristas do edital. A premiação em dinheiro foi igual para cada um dos 20 primeiros colocados, independente da ordem de classificação.

“Agora que a gente está com 17 anos, entrando na maioridade, é um prêmio para dar gás, para a gente se manter firme e forte para que venham mais 17 anos”, celebra o ator e um dos produtores e fundadores da Vidraça, Luiz Dalbo, atual secretário de Cultura da Prefeitura de Mogi Mirim.

Para participação no edital, a Vidraça inscreveu o Projeto RessaltArte, com a denominação motivada pelo objetivo de ressaltar o trabalho desenvolvido pelo grupo nas áreas de teatro e artes em seus 17 anos de história completados no ano passado.

“A ideia com o RessaltArte é que, a partir desse prêmio, a gente possa ressaltar a nossa arte”, observa Dalbo.

Além do recurso, a premiação com o RessalArte envolve o cumprimento de uma agenda de apresentações. Dalbo observou que a verba será direcionada para os próximos trabalhos da companhia, incluindo o investimento no RessaltArte.

Um dos espetáculos já definidos é “Frida, esse cadáver ainda vive”, uma apresentação inédita de forma presencial, que irá estrear em 2 de abril, no teatro do Centro Cultural Lauro Monteiro de Carvalho e Silva. O espetáculo já foi apresentado de forma on-line, inclusive com seis prêmios recebidos em festivais.

Outro espetáculo é denominado “Eu preciso falar”, já exibido pela Vidraça em diversas cidades. O terceiro ainda está sendo selecionado.

COLEÇÃO
Representando Mogi Mirim em diversas cidades, a Vidraça coleciona prêmios conquistados em festivais presenciais e on-line. “A gente não faz só teatro, a gente faz projetos, cinema. E aí vamos ‘bora’ fazendo. A gente é uma companhia que se arrisca também. Porque a gente só ganha também se a gente se arriscar e for participar”, salienta Dalbo, confirmando a ideia de continuar concorrendo e disseminando a cultura da Vidraça. “A gente vai para outras cidades, dá algumas oficinas também. Nossa ideia é chegar no público, formar novas plateias, a gente gosta muito da troca de informações”, destaca.

Vidraça Cia. de Teatro (Foto: Divulgação)
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Veja mais
Confira mais notícias
Edições semanais
EDITORIAL
Capa Nelson Theodoro

Siga a comarca nas redes sociais

site_mobile_menu

Siga A Comarca

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp