A Comarca

Polícia Ambiental multa madeireira em Mogi Mirim

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental, vinculada ao 1º Pelotão do 5º Batalhão, de Pirassununga, esteve em Mogi Mirim na última quarta-feira, 6, com a finalidade de fiscalizar uma madeireira que funciona na zona Norte da cidade. Participaram da operação a 3º Sargento PM Eliane Oliveira, Cabo PM Luciano e o 1º Sargento PM Melizi.

Conforme registros do Boletim de Ocorrência Ambiental, a fiscalização já havia sido programada com base em visita anterior, quando foi acordado um prazo de 15 dias para que os proprietários regularizassem algumas pendências.

O boletim relata que os agentes da Polícia Militar Ambiental fizeram uma espécie de “pente fino” dentro do estabelecimento e chegaram à conclusão de que havia “déficit no estoque”, com base na documentação da própria empresa.

“Após mensuração minuciosa de todo estoque de madeira nativa existente no pátio, valendo-se do método de conferência peça a peça por espécie e tipo de corte em confronto com seu respectivo DOF (Documento de Origem Florestal), constataram a venda ilegal de 18,7522 metros cúbicos de madeira nativa (estoque em déficit)”, diz o documento elaborado pelos agentes.

MULTA
Como resultado, os proprietários foram autuados por vender madeira irregular nos termos do artigo 47 da Resolução SIMA 005/21, “não havendo tipificação penal para a presente infração administrativa”. O valor total da multa atingiu R$ 5.625,66. Os proprietários podem recorrer da autuação.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Veja mais
Confira mais notícias
Edições semanais
EDITORIAL
Capa Nelson Theodoro

Siga a comarca nas redes sociais

site_mobile_menu

Siga A Comarca

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp