A Comarca

Com 3 a 1, Piteiras é campeã do aspirantes da Copa Rural

Diego Ortiz

A Piteiras venceu em casa a Aparecidinha por 3 a 1, na tarde de domingo, e conquistou o título de campeã da Copa Cirineu Paschoal Polettini de Futebol Rural. No jogo de ida, no domingo anterior, a Aparecidinha havia vencido em casa por 2 a 0. Com o empate no placar agregado, a Piteiras celebrou o título pela vantagem garantida pela melhor campanha. A Aparecidinha podia perder por apenas um gol de diferença.

Precisando vencer por uma diferença mínima de dois gols, a Piteiras entrou em campo com uma intensidade maior em relação ao adversário, conseguindo se impor no campo de ataque e ganhar a maior parte das disputas de bola.

O placar foi aberto logo aos 4 minutos. Após cobrança de escanteio de Fininho, Wesley finalizou, o goleiro Du deu rebote e Diego Gaúcho arrematou de primeira para fazer 1 a 0.

A Piteiras permaneceu pressionando e a Aparecidinha tinha dificuldade para encaixar contragolpes, com a defesa do time da casa conseguindo se antecipar aos avanços dos visitantes. O goleiro Du era constantemente exigido. Aos 22, defendeu arremate de Fininho, da entrada da área. Aos 32, após levantamento de Jean da esquerda, Wesley cabeceou e Du espalmou.

Após perder a ida da final por 2 a 0, a Piteiras, do lateral Eder, venceu a Aparecidinha, do atacante Marinho, por 3 a 1 no duelo de volta e conquistou o título devido à vantagem do empate no placar agregado (Foto: Nelson Victal do Prado Júnior)

O placar foi ampliado aos 8 minutos do segundo tempo. Após Rafael lançar para a frente, Wesley aproveitou vacilo da defesa da Aparecidinha e, livre diante de Du, arrematou de canhota, com a bola ainda tocando no goleiro antes de entrar: 2 a 0.

Aos 13 minutos, quando a Piteiras, além do amplo domínio, estava com a vantagem necessária para o título, a Aparecidinha surpreendeu com um golaço que lhe devolvia um placar suficiente para ser a campeã. O gol surgiu graças ao talento do volante Emerson, que, de fora da área, disparou um tiro certeiro, com categoria, acertando o canto direito alto da meta do goleio Robinho.

O placar favorável para garantir a taça para a Aparecidinha, porém, durou pouco. Aos 19 minutos, Adilsinho apareceu na área em velocidade entre os zagueiros, e após a bola quicar diante da defesa, chegou livre diante do goleiro e no tempo preciso para cabecear e fazer o gol do título: 3 a 1.

A situação da Piteiras ficou mais confortável dois minutos depois, quando a Aparecidinha teve Emerson expulso após falta no meio de campo. O panorama ficou ainda pior para a Aparecidinha aos 25. Em contra-ataque, Adilsinho partia em direção ao gol para ficar de frente para o goleiro, mas foi derrubado na entrada da área por Gabriel, que também recebeu o cartão vermelho. Na cobrança, Renan bateu forte e Du defendeu pulando em seu canto direito.

A Piteiras ainda teve chances de terminar a partida com uma goleada. Já com cinco minutos de acréscimo, quando a Aparecidinha, com dois jogadores a menos, havia se lançado ao ataque tentando o tento do título na base das bolas alçadas à área, a Piteiras teve outro contra-ataque, em que Adilsinho partiu livre em direção ao gol e teve uma chance clara, mas desperdiçou, finalizando mal, à direita do goleiro Du.

O título foi o terceiro da Piteiras nas últimas três edições do Rural. Em 2020, quando a competição não teve final em virtude da pandemia de Covid-19, foi anunciado como um dos campeões da categoria principal, como um dos finalistas, ao lado da Aparecidinha. Em 2019, havia sido campeã da categoria aspirantes.

Liderada pelo capitão Diego Gaúcho, autor do 1º gol da decisão, Piteiras, do técnico Sérgio Persego, suspenso na final, teve no elenco nomes como Jean, Negueba, Wesley e Adilsinho, autor do tento do título (Foto: Diego Ortiz/A COMARCA)

 

Além de vice-campeã dos aspirantes, a Aparecidinha, do técnico Everton Bombarda, ganhou um dos troféus de defesa menos vazada, recebido pelo goleiro Du, e teve um dos craques do certame, Sanderlei (Foto: Diego Ortiz/A COMARCA)

TIMES
Com a suspensão do técnico Sérgio Persego e do auxiliar Joãozinho, a Piteiras teve na comissão técnica Diego Manara e Fábio Choquetta. A equipe atuou com Robinho; Eder Persego, Diego Gaúcho, Rafael e Jean; Negueba, Fininho (Renan), Ronaldo (Klebinho) e Tiago (Jaime) (Daniel Santos); Adilsinho e Wesley. Comandada pelo técnico Everton Bombarda, a Aparecidinha jogou com Du, Dill (Pedro Henrique), Clodo, Gabriel e Caique; Emerson, Sidlei, Rafinha (Alison), Pantanal (Netão) e Sanderlei; Marinho. O jogo foi apitado por Ronaldo Gomes da Silva, auxiliado por Sebastião Maurílio Fonseca e Juliano Gonçalves da Silva.

PREMIAÇÕES
Patrono da competição, Cirineu Paschoal Polettini, ex-jogador do Pombal, foi homenageado com uma placa e, vestindo a camisa do clube pelo qual já atuou, participou da cerimônia de premiação. Os goleiros Robinho, da Piteiras, e Du, da Aparecidinha, receberam os prêmios como representantes das duas defesas menos vazadas, com nove gols sofridos cada. O troféu de artilheiro foi para Diego Delei, da Esmeralda, com cinco gols. Foram premiados como craques do campeonato Igor, do Esmeralda, e Sanderlei, da Aparecidinha, com três votos cada. A cada jogo, o técnico de um time votava em um atleta adversário. Sanderlei recebeu o terceiro voto justamente na final, em que também foi votado Adilsinho, da Piteiras.

Ao lado do secretário de Esportes, Wilians Mendes, e do patrono da competição, Cirineu Paschoal Polettini, os goleiros das defesas menos vazadas, Du, da Aparecidinha, e Robinho, da Piteiras, com 9 gols sofridos cada (Diego Ortiz/A COMARCA)

 

Diego Delei, da equipe Esmeralda, recebeu o prêmio de artilheiro da Copa Cirineu Paschoal Polettini de Futebol Rural, com cinco gols marcados, um à frente do vice-artilheiro Adilsinho, da campeã Piteiras (Diego Ortiz/A COMARCA)
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Veja mais
Confira mais notícias
Edições semanais
EDITORIAL
Capa Nelson Theodoro
Capa Pacóla
EDITORIAL

Siga a comarca nas redes sociais

site_mobile_menu

Siga A Comarca

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp