A Comarca

Saae adota método não destrutivo para novas ligações de água

O novo método utilizado pelo Serviço Autônomo de Água e Esgotos (Saae) de Mogi Mirim para a execução de novas ligações de água tem representado mais economia para os consumidores e benefícios para o Meio Ambiente.

Conhecido como Método Não Destrutivo (MND), o trabalho consiste na perfuração horizontal direcionada do solo para passagem da tubulação, eliminando a necessidade de escavação de valas a céu aberto durante o processo.

Além de agilizar a execução do trabalho e minimizar os danos ao ambiente, o método também representa economia para o consumidor, reduzindo o valor a ser pago por metro quadrado de pavimento asfáltico.

O trabalho com o “tatu” tem sido realizado somente para executar novas ligações de água, cuja tubulação do ramal tem diâmetro compatível com a ponteira do equipamento.

Antes da sua utilização, os servidores realizam um levantamento das condições do solo, visando minimizar o risco de imprevistos durante sua execução.

O trabalho com o “tatu” tem sido realizado somente para executar novas ligações de água, cuja tubulação do ramal tem diâmetro compatível com a ponteira do equipamento (Foto: Divulgação)
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Veja mais
Confira mais notícias
Edições semanais
Capa Nelson Theodoro
Capa Pacóla
Capa Nelson Theodoro

Siga a comarca nas redes sociais

site_mobile_menu

Siga A Comarca

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp